Descubra quem está ganhando mais no mercado de trabalho

A carência de profissionais é um fator conhecido no mercado de trabalho brasileiro. A demanda é tão grande que, em busca de melhores salários, tem se notado uma migração entre setores como de Alimentos, Farmacêutico e de Cosméticos.

“O mercado está aquecido. Não vejo nenhuma área em que os profissionais não são solicitados ou que o nível salarial caiu”, afirma Juliano Ballarotti, gerente das áreas de expertise Hays Engineering, Hays Logistics, Hays Procurement e Hays Construction & Property. Diante desse cenário, as empresas estão preocupadas em reter e desenvolver talentos, movimento que começa já com estagiários, trainees e profissionais mais jovens.

Para saber em quais as áreas existem vagas e os salários são mais altos, a Hays adiantou para o ClickCarreira os cargos que mais se valorizaram nos últimos anos. A análise foi feita levando em conta os salários inflacionados dos profissionais. Confira a lista a seguir!

Gerentes de projetos
Há demanda no setor de infraestrutura, por conta da construção de grandes obras, como rodovias, portos, aeroportos. O salário varia entre R$20 mil e R$25 mil mais bônus.

Outra área aquecida é a de Petróleo e Gás. Gerentes de projetos que atuam nesse ramo recebem R$20 mil a R$30 mil mais bônus.

Profissionais de sustentabilidade
Ballarotti afirma que a carreira na área de sustentabilidade apenas começou a ter destaque, mas ainda deve criar muitas oportunidades. No momento, são mais buscados profissionais com alguma formação técnica relacionada à área, por exemplo, Engenharia Ambiental.
Um gerente que atue no ramo pode ganhar R$15 mil mais bônus.

Setor imobiliário
Com o boom no ramo imobiliário, há forte demanda de profissionais de desenvolvimento de novos negócios. Os salários são de R$20 mil mais bônus.

TI
O mercado de TI sempre está em busca de mais e mais talentos. Uma das grandes demandas é de consultores SAP, que ganham de R$10 mil a R$ 17 mil mais bônus, em regime de Pessoa Jurídica (PJ).

Varejo
O setor está crescendo e todas as posições estão aquecidas. Há necessidade de gerentes de lojas, profissionais de operações, gerentes de pedidos, estoque e logística, por exemplo. O destaque fica para o setor de e-commerce. Profissionais que ocuparem um cargo de gerência estão ganhando por volta de R$15 mil. Diretores, de R$20 mil a R$35 mil.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *