Mecânico de Manutenção de Bomba Injetora (exceto de Veículos Automotores): Média Salarial, Mercado de Trabalho e Piso Salarial 2019

De acordo com a pesquisa salarial 2019 do Click Carreira, um profissional contratado em regime CLT para o cargo de Mecânico de Manutenção de Bomba Injetora (exceto de Veículos Automotores), ganha um salário bruto de R$ 1.856,26 mensais para uma jornada de trabalho semanal média 44 horas, totalizando 220 horas mensais como referência.

Confira logo abaixo todos os aspectos salariais e o mercado de trabalho para Mecânico de Manutenção de Bomba Injetora (exceto de Veículos Automotores) em todo o Brasil.

Salário médio para trainee, júnior, pleno e sênior no cargo

Mecânico de Manutenção de Bomba Injetora (exceto de Veículos Automotores)

Um Mecânico de Manutenção de Bomba Injetora (exceto de Veículos Automotores) trainee ganha em média R$ 1.718,08, já um profissional júnior chega a R$ 1.859,70, um pleno ganha cerca de R$ 1.995,73, um sênior R$ 1.842,47 e um Mecânico de Manutenção de Bomba Injetora (exceto de Veículos Automotores) master no cargo chega a ganhar R$ 2.776,84 por mês em média no mercado de trabalho brasileiro.

Lembrando que trainee é um profissional com até 2 anos de experiência no cargo, júnior entre 2 e 4 anos, pleno entre 4 e 6 anos, sênior entre 6 a 8 anos e um profissional master tem acima de 8 anos de experiência na função.

Relação jornada de trabalho/salário mensal e por hora

Um Mecânico de Manutenção de Bomba Injetora (exceto de Veículos Automotores) pode ser contratado para trabalhar por diversas jornadas de trabalho diferentes. Veja logo abaixo as principais jornadas da pesquisa:

  • Total de salários: 382
    • Horas Semanais: 44
    • Referência mensal: 220
    • Salário/Mês: R$ 1.842,59
    • Salário/Hora: R$ 8,38
  • Total de salários: 5
    • Horas Semanais: 43
    • Referência mensal: 215
    • Salário/Mês: R$ 1.348,40
    • Salário/Hora: R$ 6,27
  • Total de salários: 2
    • Horas Semanais: 42
    • Referência mensal: 210
    • Salário/Mês: R$ 2.142,00
    • Salário/Hora: R$ 10,20

Tipos de empresas que mais contratam profissionais para o cargo de Mecânico de Manutenção de Bomba Injetora (exceto de Veículos Automotores)

Um profissional celetista admitido para o cargo de Mecânico de Manutenção de Bomba Injetora (exceto de Veículos Automotores), pode trabalhar em diversos segmentos diferentes. Veja logo abaixo os setores que mais contratam profissionais para o cargo de Mecânico de Manutenção de Bomba Injetora (exceto de Veículos Automotores), além dos segmentos que praticam a melhor remuneração:

  1. Setor da empresa: Comércio a varejo de peças e acessórios novos para veículos automotores
    • Total de contratados: 81
    • Salário médio: R$ 1.949,52
  2. Setor da empresa: Serviços de manutenção e reparação mecânica de veículos automotores
    • Total de contratados: 61
    • Salário médio: R$ 1.704,49
  3. Setor da empresa: Recondicionamento e recuperação de motores para veículos automotores
    • Total de contratados: 19
    • Salário médio: R$ 2.068,42
  4. Setor da empresa: Serviços de engenharia
    • Total de contratados: 16
    • Salário médio: R$ 2.200,06
  5. Setor da empresa: Instalação e manutenção de sistemas centrais de ar condicionado, de ventilação e refrigeração
    • Total de contratados: 12
    • Salário médio: R$ 1.712,58

Setores que pagam os melhores salários

  1. Setor da empresa: Atividades veterinárias
    • Total de contratados: 1
    • Salário médio: R$ 9.613,00
  2. Setor da empresa: Atividades de apoio à extração de petróleo e gás natural
    • Total de contratados: 1
    • Salário médio: R$ 8.994,00
  3. Setor da empresa: Fabricação de azulejos e pisos
    • Total de contratados: 1
    • Salário médio: R$ 8.864,00
  4. Setor da empresa: Moagem de trigo e fabricação de derivados
    • Total de contratados: 1
    • Salário médio: R$ 5.393,00
  5. Setor da empresa: Transporte rodoviário de carga, exceto produtos perigosos e mudanças, municipal
    • Total de contratados: 1
    • Salário médio: R$ 3.876,00

Reajuste 2019 para Mecânico de Manutenção de Bomba Injetora (exceto de Veículos Automotores) e aumento do piso salarial da categoria

Segundo levantamento do Click Carreira junto as negociações coletivas registradas no sistema Mediador do Governo Federal, o reajuste salarial 2019 para Mecânico de Manutenção de Bomba Injetora (exceto de Veículos Automotores), ficou na média de 3,84% o que basicamente repôs a inflação do ano anterior com um pequeno ganho real.

Com o reajuste desse ano o piso salarial 2019 de Mecânico de Manutenção de Bomba Injetora (exceto de Veículos Automotores) ficou em R$ 1.317,95, de acordo com a convenção coletiva da categoria registrada pelo sindicato.

O sistema Mediador é onde ficam registradas todas as convenções coletivas, acordos coletivos e dissídios dos sindicatos dos trabalhadores e sindicatos patronais.

Mecânico de Manutenção de Bomba Injetora (exceto de Veículos Automotores)